terça-feira , 12 dezembro 2017

Amigo Bicho Leva Conscientização A Alunos De Escola Infantil

Respeitar os animais é valorizar a vida e reforçar esses valores no contexto educacional é preciso. Pelo menos é o que defende a Associação em Benefício e Proteção à Vida Animal de Governador Valadares (Amigo Bicho), que promoveu na tarde desta terça-feira, 29, uma palestra educativa para as crianças do “Instituto Educacional Educar”, no Bairro Grã-Duquesa.

Segundo Daniela Costa, gestora ambiental, essa é apenas a primeira de uma série de ações para promover a integração da  sociedade na promoção do bem estar animal.

A apresentação foi para um público com idade máxima de 5 anos e bastaram as presenças da gatinha Jujú, portadora de necessidades especiais, e da cadelinha Jhulia, adotada das ruas de Valadares, para prender a atenção da criançada.

cadelinha-jhulia-alegrou-as-criancas

O veterinário Ivan Melo explicou a necessidade do equilíbrio no convívio entre humanos e animais por meio dos bons tratos, numa linguagem bem simples aos pequenos que prestavam atenção em cada detalhe.

Num painel com fotos ilustrativas alusivas ao tema, a dinâmica de Daniela Costa, da Associação Amigo Bicho, foi interagir com as crianças para atender o objetivo proposto. O projeto é itinerante e conta com o apoio da  Cat Dog Rações e do blog Tagarela Pet.

 

cadelinha-jhulia
Cadelinha Jhulia e a gatinha Jujú foram as atrações do evento

gatinha-juju

 

Envolvimento social

Para 2017, outros eventos já estão sendo programados. O objetivo é envolver a população com a realidade dos animais de rua, vítimas de maus tratos e violência, bem como seus protetores, na maioria das vezes independentes e com pouca estrutura para abrigá-los.

A Associação Amigo Bicho acredita numa mudança de comportamento humano a partir da conscientização que para ela deve começar bem cedo, evitando o aumento da violência e abandono de animais.

“A idéia com essa aproximação é criar uma consciência lógica de cuidados, carinho e responsabilidade. Nós, enquanto protetores, somos carentes de todo tipo de doação: dinheiro, donativos, tempo, tudo é bem-vindo”, explicou Daniela Costa.

Para a diretora do Instituto Educar, Daniela Barbosa,  a iniciativa da Amigo Bicho contribui com a formação dos futuros cidadãos,  principalmente pela escola atuar há 8 anos  na cidade e ser a primeira a recepcionar ações concretas como essa em Valadares.

“Compartilhar e dividir a realidade desses bichinhos é muito importante para a formação dessa consciência nos pequenos. Tudo começa em casa e a escola é um complemento. Criança ouve muito, mas aprende mesmo é com as atitudes”, destacou.

Se é assim, pela reação das crianças a palestra funcionou. Conscientes da necessidade de bons tratos com os animais, ao final da apresentação todos queriam colaborar com a caixinha de doação para os bichinhos. Alguns até arriscavam sugestões do que comprar com o dinheiro doado: ração, remédio de verme, vacina e outros.

 

Amigo Bicho

A Associação Amigo Bicho foi constituída em Valadares há 8 anos e atua diretamente com resgate e acolhimento dos animais abandonados e vítimas de maus-tratos. Por lá já passaram aproximadamente 500 animais. Atualmente, cerca de 40 cães e gatos superlotam um lar provisório e sem condições para novos habitantes.

A associação carece de doações que podem ser feitas diretamente em sua página no facebook, que leva o nome da instituição, onde também os interessados em adotar um animalzinho podem se manifestar. A conta bancária para doações em dinheiro é:

Caixa Econômica Federal – Agência 1642, Operação 003 e Conta Corrente 3889-8.

idealizadores-do-evento-amigo-bicho-e-instituto-educar
Idealizadores do evento com educadores do Instituto Educar e crianças que participaram

Sobre Andréa Costa

Verificar Também

serviço de remoção de animais de grande porte começou em gv

Serviço de remoção de animais soltos nas ruas já está ativo em Valadares

Cavalos soltos em vias públicas estão com os dias contados em Governador Valadares. Depois de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *